traumatologia do esporte

A traumatologia esportiva é um ramo da medicina que se concentra na prevenção, diagnóstico e tratamento de lesões relacionadas ao esporte. Lesões esportivas podem ocorrer repentinamente, devido a excesso de treinamento, não treinamento adequado, má técnica, uso de roupas inadequadas e falta de condicionamento físico, entre outras causas. Os tratamentos utilizados permitem que a pessoa retorne à sua rotina de treinamento normal o mais rápido possível e nas melhores condições.

O tratamento correto na traumatologia esportiva sempre será baseado no histórico médico de cada jogador, que deve incluir histórico pessoal e familiar, histórico de lesões, histórico cirúrgico e questões ortopédicas. As informações coletadas em um exame de admissão esportiva serão incluídas, avaliando as informações posturais, o músculo esquelético, as articulações, os ligamentos e a aptidão física; também serão incluídos fatores de risco para possíveis lesões de acordo com o esporte.

As principais lesões do Joelho causadas por práticas esportivas e atividades físicas são:

Artrose da articulação do joelho: A chamada gonartrose é um dos sinais mais frequentes de desgaste das articulações. É um sinal de desgaste que causa dor intensa e pode levar à rigidez das articulações.

Ruptura dos ligamentos cruzados anteriores: No caso de uma ruptura do ligamento cruzado anterior que ocorre com frequência, a pessoa afetada expressa uma articulação do joelho e dor relacionada à carga. O tratamento padrão para ruptura do ligamento cruzado anterior é a reconstrução artroscópica do ligamento cruzado com tendões endógenos e fisioterapia imediata acompanhada por um fisioterapeuta.

Luxação do joelho: A luxação da rótula leva à lesão dos ligamentos estabilizadores. Dependendo da idade e atividade da pessoa afetada, a estabilidade às vezes pode ser alcançada com fitas, órteses e fisioterapia. No entanto, uma pessoa fisicamente ativa será capaz de atingir seu nível anterior de desempenho com mais rapidez e confiabilidade através da costura da banda cirúrgica.

Ruptura do menisco: A lesão meniscal aguda está associada ao inchaço, dor ao exercício e limitação da mobilidade; em caso de grandes rachaduras, pode até causar um bloqueio no joelho. Um exame de ressonância magnética mostra a extensão exata da lesão, quando recomendações específicas de terapia podem ser dadas.

traumatologia do esporte

A traumatologia esportiva é um ramo da medicina que se concentra na prevenção, diagnóstico e tratamento de lesões relacionadas ao esporte. Lesões esportivas podem ocorrer repentinamente, devido a excesso de treinamento, não treinamento adequado, má técnica, uso de roupas inadequadas e falta de condicionamento físico, entre outras causas. Os tratamentos utilizados permitem que a pessoa retorne à sua rotina de treinamento normal o mais rápido possível e nas melhores condições.

O tratamento correto na traumatologia esportiva sempre será baseado no histórico médico de cada jogador, que deve incluir histórico pessoal e familiar, histórico de lesões, histórico cirúrgico e questões ortopédicas. As informações coletadas em um exame de admissão esportiva serão incluídas, avaliando as informações posturais, o músculo esquelético, as articulações, os ligamentos e a aptidão física; também serão incluídos fatores de risco para possíveis lesões de acordo com o esporte.

As principais lesões do Joelho causadas por práticas esportivas e atividades físicas são:

Artrose da articulação do joelho: A chamada gonartrose é um dos sinais mais frequentes de desgaste das articulações. É um sinal de desgaste que causa dor intensa e pode levar à rigidez das articulações.

Ruptura dos ligamentos cruzados anteriores: No caso de uma ruptura do ligamento cruzado anterior que ocorre com frequência, a pessoa afetada expressa uma articulação do joelho e dor relacionada à carga. O tratamento padrão para ruptura do ligamento cruzado anterior é a reconstrução artroscópica do ligamento cruzado com tendões endógenos e fisioterapia imediata acompanhada por um fisioterapeuta.

Luxação do joelho: A luxação da rótula leva à lesão dos ligamentos estabilizadores. Dependendo da idade e atividade da pessoa afetada, a estabilidade às vezes pode ser alcançada com fitas, órteses e fisioterapia. No entanto, uma pessoa fisicamente ativa será capaz de atingir seu nível anterior de desempenho com mais rapidez e confiabilidade através da costura da banda cirúrgica.

Ruptura do menisco: A lesão meniscal aguda está associada ao inchaço, dor ao exercício e limitação da mobilidade; em caso de grandes rachaduras, pode até causar um bloqueio no joelho. Um exame de ressonância magnética mostra a extensão exata da lesão, quando recomendações específicas de terapia podem ser dadas.

Dr. Bruno Santos Leal Campos

dr bruno santos leal campos

CRM-DF: 26126 | TEOT: 10151
Ortopedista | Cirurgião do Joelho | Traumatologista

  • Graduado em Medicina pela Faculdade Integral Diferencial (2015);
  • Especialização em Atenção Básica em Saúde pela Universidade Federal do Maranhão (2016);
  • Residência Médica em Ortopedia e Traumatologia pelo Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo (2016-2019);
  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – SBOT (2019);
  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Ombro e Cotovelo – SBCOC;
  • Fellow em Cirurgia de Joelho no Hospital HOME (2019-2020);
  • Mba de Gestão em Saúde na Fundação Getúlio Vargas (FGV) (2019-2021).

Especialista em Joelho

O joelho é definido pelo encontro de três ossos: o fêmur (osso da coxa) a tíbia (osso da perna) e a patela (rótula). Trata-se de uma articulação altamente complexa, realizando movimentos em vários planos, o que lhe confere uma mecânica particular. Ele é composto, além dos componentes ósseos e cartilaginosos, por ligamentos internos e periféricos, elementos fibroelásticos intra articulares para absorção de impacto, proteção e estabilização secundária (os meniscos); bem como diversos grupos musculares e tendíneos, estruturas neuro vasculares, e tecidos sinoviais que revestem e vedam a articulação. O joelho está sujeito a várias lesões, tanto traumáticas (fraturas, luxações, lesões ligamentares), quanto associadas a impacto e movimentos de repetição, alterações degenerativas e inflamatórias, sendo as mais comuns: Artrose, Osteonecrose, Lesões Ligamentares – lca / lcp / lcm / lcl, Lesão Meniscal – Condral, Condropatia Patelar – Instabilidade Patelar, Fraturas, Tenossinovites – Bursites.

especialista em joelho brasilia

Principais Doenças Tratadas

doenças do joelho
  • Artrose do Joelho;
  • Lesões dos Meniscos;
  • Lesão do ligamento cruzado anterior do Joelho;
  • Condropatia Patelar;
  • Osteoartrite Patelar;
  • Osteonecrose idiopática do joelho;
  • Bursites no joelho;
  • Fratura por Estresse.